free site design templates

Finalistas
Calabouço Heavy & Rock - RJ

Gostamos de conhecer os nossos filanistas, saber suas expectativas e um pouco mais da sua história.

Todas as informações a seguir são de total responsabilidade do Candidato.

Sejam Bem vindos ao Time de Finalistas KWC Brasil. Vocês estão um passo mais perto de conquistar o título de Campeões e disputarem pelo brasil em Tóquio, Japão. Com todas as despesas pagas pela Tk Produções Artísticas.

Mais uma vez parabéns e gratidão por fazer parte da nossa história!

Mobirise





Um super obrigado ao Calabouço Heavy & Rock  por sediar etapas KWC Rio de Janeiro 2019.


Maria Aparecida Garcia de Souza é professora, tem 46 anos, mãe de três filhos, nascida no município de Itaperuna ( interior do estado do Rio de Janeiro) mas há 9 anos, reside na cidade de Rio das Ostras ( região dos Lagos do estado ).
Seu envolvimento com a música sempre foi notório desde criança ao começar a entoar as primeiras canções na igreja.
Ainda na adolescência, formou-se em canto, harmonia e teoria musical ( piano) na Faculdade de Música Amado Pereira de Cerqueira ( Itaperuna-RJ ).
Dos 23 aos 35 anos foi a vocalista principal da Banda ÁLIBI, onde adotou o nome artístico de CIDA GARCIA e cantava ( e canta até hoje )os mais diversos estilos, desde pop , rock, AXÉ,MPB, samba e clássicos de musas internacionais como Glória Gaynor, Aretha Franklin, Madonna, LAIZA Minelli, Nina Simone, Tina Turner, Shakira entre outras.
Atualmente tem se destacado como campeã em diversos concursos de música na região dos Lagos e no cenário do karaokê carioca, participando dos concursos promovidos pela LOTUS GVK, onde no momento, lidera o RANCKING das competições. Tanto que, pelo segundo ano consecutivo, estará representando seu estado na final do KWC mundial.
CIDA GARCIA já está classificada para o festival de talentos de sua cidade ( Rio das Ostras) tendo disputado uma vaga com mais de 100 candidatos inscritos.
O que a candidata espera do KWC 2019 ? CRESCER e APRENDER cada vez mais e mais como profissional!

Cida Garcia @Cidagarcia16

Finalista Calabouço Heavy & Rock Bar - Rio de Janeiro -RJ


Chelle: a professora de canto que encantou os jurados na final do Rio de janeiro

Michelle Cardoso, de 28 anos, moradora de São Gonçalo, é mais conhecida como Chelle e não se prende a rótulos, destacando-se por interpretações de diversos ritmos musicais que passeiam entre a Bossa Nova, MPB, Jazz, Soul, R&B e Pop. Sua versatilidade é o resultado de muitos anos de estudo.

Formada em Publicidade e Propaganda pela FACHA - Faculdades Integradas Hélio Alonso, canto popular pela Escola de Música Villa Lobos com extensão, canto para teatro musical e canto lírico na EAPE - Escola de Artes Patrícia Evans. Ela teve ao todo mais de cinco anos de formação em canto. Hoje, ela dá aulas de canto particular na Casa Com a Música, espaço cultural localizado na Lapa.

Chelle @chellecantora

Finalista Calabouço Heavy & Rock Bar - Rio de Janeiro -RJ

Qual a sua profissão ?
Canto em eventos, faço evento infantil, personagem vivos e canto para as crianças também, tudo isso como freelancer.
Qual o seu envolvimento com a música ?
Comecei à cantar na igreja aos 6 anos de idade. Eu sempre digo que nasci pra viver da música, eu respiro isso. Quando estou ouvindo ou cantando alguma música, eu consigo ser levada à um outro espaço. Aprendo muito ouvindo. Vim de uma família com a condição financeira média, sempre fiquei com dificuldades de pagar minhas aulas de canto, e minhas aulas eram ouvir Whitney Houston, Mariah Carey, e outras cantoras pop rs. Aprendi bastante coisa sozinha, quando recebi a feliz notícia que meu pai me colocaria em uma aula de canto para aperfeiçoamento, fiz aulas na escola técnica Villa Lobos e alguns cursos na minha cidade. Hoje em dia faço apenas acompanhamento com fono.
No ano de 2018 fui a vencedora do programa “Caixa de Talentos” com Datena na tv band e nesse ano de 2019 participei do programa Raul Gil no Sbt.
Minha maior influência na música sempre foi minha mãe.

O que você espera do KWC no ano de 2019 ?
Espero poder levar a arte, consequentemente ser reconhecida na minha área, e ser honrada de poder ouvir tantos talentos que temos no Brasil.
Alguma curiosidade que possa chamar atenção.
Só consigo ensaiar na madrugada, e quando estou muito ansiosa como muitos doces rs
Qual é o estilo de música que você canta ?
Pop, Mpb, Pop Rock e Sertanejo.
O que você cantou nas suas seletivas e finais?
The greatest love of all - Whitney Houston
Na final: Sangrando - Gonzaguinha


Larissa Leal @oficiallarissaleal

Finalista Calabouço Heavy & Rock Bar - Rio de Janeiro -RJ

ORIGEM
Bem, eu me chamo Lucas França de Lima. Nascido e criado em Belford Roxo, Baixada Fluminese, mas atualmente meu domicílio fica na Tijuca, Zona Norte do Rio.
PROFISSÃO
Sou advogado recém-formado pela UERJ, mas por muito tempo dei aulas particulares de português e inglês, além de também ser revisor de textos.
MÚSICA
A música está presente na minha vida desde a infância, apesar de não haver na família ninguém que tenha estudado música profissionalmente ou tenha alguma veia musical.
O meu primeiro contato com a música mesmo foi na igreja. Desde o início da vida até os meus 19 anos, eu frequentava uma igreja protestante e lá eu participei de diversos corais, equipes de música, musicais, cantatas, entre outros eventos, que me fizeram aprender bastante sobre afinação, divisão de vozes, técnicas de canto.
Além disso, foi na igreja (em conjunto com tantos vídeos na internet) que comecei a estudar bastante sobre black music. O gospel black é a parte mais forte da minha formação musical, mas tenho oxigenado esse estilo musical com outros, como pop, pagode e outros.
Confesso que meu gosto musical é bem eclético, apesar de me interessar mais pelo black.
Atualmente participo de uma ONG carioca chamada Cantareiros (se possível, dêem uma conferida no insta: @cantareiros), que, em resumo, é um conjunto de aproximadamente 170 cantores profissionais, que se revezam entre si em visitas a diversas instituições localizadas estado do RJ, como asilos, hospitais, casas de acolhimento de deficientes físicos, orfanatos, etc.
É um projeto magnífico, do qual eu tenha a imensa satisfação de participar desde 2017.
Além da grande contribuição humanística que o projeto agregou em mim, tenho aperfeiçoado a minha técnica vocal, principalmente na interação com outras pessoas, já que o grupo não ensaia em conjunto. Todos se preparam e ensaiam em casa e se apresentam no dia. Tudo sai perfeito!


O QUE ESPERO DO KWC BRASIL 2019
Muito sinceramente, o KWC Brasil 2019 já me deu muito mais do que eu esperava. Tenho conseguido me inserir ainda mais no mundo da música, aprendendo com as críticas e me deliciando com os elogios, que também são bons, não vou negar.
É importante destacar também a interação entre os participantes (entre si e com os jurados). Essa troca tem sido imprescindível pro meu crescimento.
Não tenha palavras para agradecer pelas experiências trocadas e pelo amor com que a equipe do KWC tem levado esse projeto tão significativo.
Mas não vou negar que espero que o evento em SP seja tão enriquecedor quanto já tem sido aqui no RJ. Estou super ansioso por um ambiente ainda mais propício para trocas e crescimento.


ALGUMA CURIOSIDADE
Não sei tenho alguma curiosidade que possa exatamente chamar a atenção, mas me envolver com o Cantareiros (a ONG sobre a qual falei antes) é motivo de muito orgulho pra mim. Acho que isso precisa ser mencionado!
Sem falar na facilidade que adquiri ao estudar música sozinho desde a infância. A música, por ela mesma, foi minha única professora por tempos. Mais recentemente tenho tido contato com profissionais da música, que têm me auxiliado nesse percurso.
Por fim, também acho importante destacar que sou um eterno apaixonado pelos karaokês da vida. Sou conhecido pelos meus amigos (e pelos donos de karaokês do Rio – principalmente os do Centro de Tradições Nordestinas em São Cristóvão) por sempre procurar algum point novo para cantar a noite toda com a galera, além de, claro, sempre marcar presença nos locais que já conheço, como a Pink Flamingo (em Copacabana) e o Barokê (na Feira de São Cristóvão).


ESTILO DE MÚSICA
O meu estilo principal é o black music (Whitney Houston, Beyoncé, Alicia Keys, Mariah Carey, Jennifer Hudson, Fantasia Barrino, Jazmine Sullivan), além de Adele.
Ouço bastante a vertente gospel estadunidense (Fred Hammond, Kim Burrel, Yolanda Adams, The Clark Sisters, Le’andria Johnson, Kirk Franklin).


SELETIVA E FINAL
Na seletiva, eu cantei “If ain’t got you”, da Alicia Keys.
Na final, eu cantei “Listen”, da Beyoncé.

Lucas França @itscapitalisparis_lucas

Finalista Calabouço Heavy & Rock Bar - Rio de Janeiro -RJ

COMPARTILHAR ESSA PÁGINA

Conheça outros finalistas KWC Brasil 2019

Além das informações sobre o evento.

FINAL BRASIL 2019

Shopping Boulevard Tatuapé -  R. Gonçalves Crespo, 78 - Tatuapé, São Paulo - SP,

PARCEIROS 2019

Um Super Obrigado a cada parceiro por sediar as etapas KWC Brasil
e contribuir para o crescimento do Projeto no Brasil.